FANDOM


Resumo Longo  Editar

Apis era uma garota misteriosa que foi aprisionada pela Marinha, mas ela consegue fugir durante uma noite de tempestade. Pela manhã, ela é encontrada pelos Piratas do Chapéu de Palha. No início, ela os temia por serem piratas, mas depois, eles se tornaram amigos, a ponto de Apis convencê-los a levá-la à Ilha Gunkan. Nami não encontrou problemas nisso, pois a ilha era parte da rota deles.

No caminho, os Chapéus de Palha são atacados pela frota do Comodoro Nelson da Marinha, mas do nada, este para de perseguí-los, pois não queria ficar preso no Calm Belt. O navio de Luffy para no Calm Belt, um mar que cercava a Grand Line e que não possuía ondas nem ventos nem movimentos. Presos naquele mar, surgem vários monstros marinhos, e dentre eles, um rei dos mares que tenta comer Apis, mas acaba espirrando e com isso, formando ondas das quais os piratas se aproveitam para sairem do Calm Belt e chegarem a Ilha Gunkan.

Na Ilha Gunkan, Apis mostra a Luffy um dragão da qual ela cuidava e conversava, devido a uma Akuma no Mi que a permite conversar com os animais. Apis achava que seu dragão estava triste e percebe que ele gostaria de retornar a sua terra natal. Luffy promete a Apis que a ajudará e chama seus tripulantes para ajudar a tirar o dragão da caverna e levá-lo ao navio.

Enquanto isso, Nelson negociava com Erik, um mercenário que seria bem pago para capturar o dragão cuja apenas Apis poderia fornecer sua localização. Nelson queria o dragão da julgada extinta espécie Sennenryu, pois seus ossos concederiam a imortalidade. Erik vai ao ataque à Ilha Gunkan, mas pensando em pegar o Sennenryu para si mesmo.

Erik ataca a Ilha Gunkan, mas os Chapéu de Palha conseguem fugir com Apis e o Sennenryu ao mar, onde atravessam um portal à lendária e perdida Lost Island, da qual todos pensavam ser a ilha dos dragões, mas lá, só vêem uma vila abandonada e escrituras antigas que apontava a ilha dos dragões como sendo a  própria Ilha Gunkan, todavia, antes que pudessem raciocinar melhor, Erik os ataca novamente com sua Akuma no Mi que o fazia ter garras afiadas que produziam um vento bem cortante. Sem condições de lutar, Luffy e seus amigos fogem de volta à Ilha Gunkan.
Ryu-0567

Um Dragão Milenar

Às margens da Ilha Gunkan, os Chapéus de Palha são cercados pela frota de Nelson. Desta vez Luffy para para enfrentá-los:Sanji com sua sequência de chutes, Usopp usando o canhão do Going Merry, Zoro com suas três espadas lendárias e Luffy com sua Akuma no Mi. Ao fim da luta, a tripulação de Luffy sai vitoriosa, mas com o Sennenryu morto por um tiro enquanto protegia Apis. Na margem da Ilha Gunkan,  a maré abaixa e a ilha se expande consideravelmente, revelando assim, a ilha dos dragões, com vários Sennenryu novos. Luffy deixa Apis lá e novamente é atacado por Erik que perde feio para a Gomu Gomu no Bazooka.

No mar novamente, Nami avista a Red Line, uma parede de terra que demonstrava a entrada da Grand Line, para ultrapassá-la, seria necessário passar pela parte da Reverse Mountain, uma montanha na Red Line onde os mares do North Blue, South Blue, West Blue e East Blue se uniam e formavam uma corrente sobre a montanha com direção para cima. O navio soba corrente na montanha, e no caminho Erik surge novamente, mas Nami o joga na correnteza e isso o mata. O navio cruza a Red Line e finalmente adentra a Grand Line.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.