One Piece Wiki
Advertisement
One Piece Wiki
4 653
páginas

Bartolomeo, o Canibal é um Supernova, o capitão do Barto Club e o comandante da 2ª divisão da Grande Frota do Chapéu de Palha. Ele foi um gladiador que competiu no Coliseu Corrida pela Mera Mera no Mi, onde conheceu Luffy e prometeu sua lealdade para com ele.

Aparência

Bartolomeo é um homem magro mas ainda musculoso. Ele tem cabelo verde-claro estilo roqueiro selvagem e sem sobrancelhas. Tem um rosto com uma aparência demoníaca, dentes pontudos e um piercing no formato de anel em suas narinas. Ele também tem duas linhas tatuadas abaixo de seu olho direito que vão em direção a sua orelha.

Ele tem uma tatuagem escura no seu peito de um grande anel com uma abertura em cima, asas dos lados, e longas presas em baixo. Ele veste um casaco roxo escuro com uma listra abaixo de cada manga com colarinho e punhos emplumados. Também usa um cinto claro com padrão de argolas e uma corrente do lado esquerdo. Ele tem uma arma dobrada na frente de sua folgada calça xadrez, e usa botas escuras com babados claros no pé.

Galeria

Personalidade

Bartolomeo às vezes pode ser mais vulgar do que descontraído, como durante a luta do Bloco B, onde ele ficou deitado no canto assistindo à luta então casualmente urinou pra fora do ringue na frente dos espectadores. Suas atitudes e a falta de educação o fizeram uma pessoa muito infame entre o público, vaiando Bartolomeo o tempo inteiro. Durante sua introdução formal, Bartolomeo é dito ser classificado em primeiro na lista de "piratas que deveriam desaparecer".

Ele também é muito irritante, como não só provoca o público com suas travessuras, mas também zomba de seus oponentes, geralmente de uma maneira despreocupada. Mesmo quando está tentando ficar bem, porém, Bartolomeo fica furioso quando o provocam de volta; quando os espectadores no coliseu o insultaram, ele jogou uma bomba falsa neles para assustá-los. Bartolomeo também não se importa com o que os outros pensam dele, tanto que afirmou a Dagama que popularidade entre o público é a menor de suas preocupações. Ele também adora zombar de seus oponentes como fingiu estar com medo quando Hack iria atacá-lo só para revelar sua Akuma no Mi para fazer o ataque de Hack voltar para ele.

Entretanto, Bartolomeo é visto se importar com sua tripulação (ou pelo menos com sua reputação), como ele espanca violentamente o Vice-Almirante Maynard pelo o que ele fez com Gâmbia. Além disso, é esse caminho específico de violência que o tornou famoso, conforme foi notado que ele matou vários civis inocentes no passado. Apesar de ter uma natureza destrutiva, Bartolomeo pode conter seu instinto assassino até um certo ponto, pelo menos pelos regulamentos do Coliseu Corrida. Enquanto ele é descontraído, não é imune em expressar surpresa, como quando soube que Luffy estava por perto.

Bartolomeo fica tímido na presença de "Luffy-senpai".

Apesar da crueldade que mostra aos outros, Bartolomeo tem um imenso respeito por algumas pessoas como Monkey D. Luffy e Roronoa Zoro. Depois de testemunhar a sobrevivência milagrosa de Luffy na plataforma de execução de Loguetown dois anos atrás, Bartolomeo se tornou um grande fã de Luffy e o vê como seu herói, a ponto de idolatrá-lo. Depois de seguir os feitos de Luffy até a Batalha de Marineford, ele foi inspirado a começar sua vida de pirataria. Seu respeito por Luffy é tão profundo que ele fica furioso e ataca as pessoas que zombam dele, como quando esmagou um homem contra a parede com seus poderes de Akuma no Mi e cortou sua língua depois de ter falado mal de Luffy. Bartolomeo também expressa timidez ao lado de Luffy e hesita em conversar com ele cara a cara. Bartolomeo foi mostrado ficar facilmente animado quando vê as pessoas que idolatra, como quando viu Zoro, ele explodiu em lágrimas de alegria. Ele chora incontrolavelmente até mesmo quando está fazendo uma coisa simples, como pedir um autógrafo a Zoro. Quando Bartolomeo voltou a ficar cara a cara com Luffy, ele gritou de alegria. Foi revelado que ele só entrou no torneio para ganhar a Mera Mera no Mi para Luffy.

Bartolomeo demonstrou ter alguma honra quando salvou Bellamy de ser brutalmente morto por Dellinger. Apesar de ele e Bellamy terem lutado um contra o outro no torneio, Bartolomeo afirmou que aqueles que lutam juntos são "amigos" e que não iria deixar um "amigo" morrer sem ajudar.

Relacionamentos

Tripulação

Bartolomeo parece se importar profundamente com sua tripulação, como visto na cena entre ele, Gâmbia, e Maynard.

Gâmbia

Bartolomeo não foi visto interagindo com Gâmbia, mas parece se importar muito com ele e o resto de seu bando, desde que espancou Maynard por nocautear seu companheiro.

Piratas do Chapéu de Palha

Bartolomeo, um admirador de Luffy desde a época de Loguetown, admira toda a tripulação, dizendo que seguiu todas suas ações e ficou perplexo quando encontrou Luffy e Zoro. Atualmente faz parte da Grande Frota dos Chapéus de Palha.

Monkey D. Luffy

Dois anos atrás, quando Luffy foi salvo por um relâmpago de ser executado, Bartolomeo estava na multidão e ficou impressionado com o espetáculo. Ele seguiu todas as notícias sobre Luffy e o resto de seu bando, até a guerra em Marineford, que o inspirou a largar a liderança da máfia e começar uma vida de pirataria. Então ele viajou para Dressrosa pelo único motivo de conseguir a Mera Mera no Mi para entregar à Luffy como presente. Após a luta do Bloco B, Bartolomeo ouviu um homem criticar Luffy. Bartolomeo foi repreender o homem e arrancou sua língua, mostrando sua severa obsessão e respeito por Luffy.

Quando encontrou Luffy, ele mal podia falar e desmaiou várias vezes. Depois de um tempo, ele conseguiu ganhar confiança para falar com o jovem pirata mas não foi capaz de olhar para ele, caso contrário desmaiaria de novo. Quando alguém se aproximou de Luffy e Bartolomeo, dizendo que nenhum deles iriam ganhar a Akuma no Mi, Bartolomeo foi lutar com o homem, mostrando que está disposto a fazer qualquer coisa e lutar contra qualquer um pelo potencial futuro rei dos piratas.

Outros

Bellamy

Bartolomeo tem um relacionamento interessante com Bellamy. Os dois originalmente foram inimigos na luta do Bloco B, e Bartolomeo parecia se divertir nocauteando Bellamy. Porém, quando Dellinger recebeu ordens para matar Bellamy, Bartolomeo foi resgatar e o protegeu com as habilidades de sua Akuma no Mi até o pirata enfurecido sair. Quando Bellamy perguntou por que ele o salvou, Bartolomeo disse que eles eram "amigos" por lutarem no mesmo campo de batalha e que ele iria ajudá-lo quando fosse preciso.

Sabo

Por Sabo ser irmão de Luffy, Bartolomeo o trata com grande respeito, se referindo à ele como 'grande senpai'. Quando Doflamingo coloca um preço na cabeça de Sabo após prender todos em Dressrosa em seu jogo de sobrevivência, Bartolomeo não o trai e em vez disso ajuda os revolucionários.

Habilidades e Poderes

Como um capitão pirata, ele tem o poder de comandar seus subordinados.

Ele é um Supernova, reconhecido pela Marinha, significando que ele tem algumas habilidades que o fizeram se destacar. Ele é mostrado ser forte o suficiente para derrotar facilmente o Vice-Almirante Maynard, e foi capaz de vencer o Bloco B do torneio do Coliseu Corrida sem muitos ferimentos (embora ele na verdade ficou deitado no canto assistindo e evitando conflito até ser forçado a usar suas barreiras).

Habilidades Físicas

Bartolomeo é tenaz com uma grande durabilidade, como mostrado quando ele recebeu uma explosão à queima-roupa pelo ataque de Gladius. Isso foi impressionante, pois para salvar os outros, Bartolomeo envolveu ele e Gladius dentro de uma barreira esférica, condensando a explosão que continha espinhos do cabelo duro de Gladius. Ele não só permaneceu consciente, como foi capaz de derrotar o executivo. Bartolomeo também é fisicamente muito forte e habilidoso em combate corpo a corpo. No anime, ele é mostrado ter ser autodidata das técnicas de luta Gomu Gomu de Luffy que ele adaptou para o seu próprio estilo com seus poderes de barreiras. Ao envolver seu punho em uma pequena barreira dura semelhante a uma luva de boxe, Bartolomeo poderia socar com força extrema, capaz de nocautear Gladius em um golpe. Mesmo sem suas habilidades de Fruto do Diabo, Bartolomeo poderia facilmente derrotar Hack, um homem-peixe excepcionalmente forte com um chute vicioso no rosto.

Akuma no Mi

Bartolomeo formando uma barreira para bloquear o King Punch.

Bartolomeo comeu a Bari Bari no Mi, uma Akuma no Mi do tipo Paramecia que o permite ser um homem barreira. Ele usa sua os poderes de sua fruta tanto para se proteger quanto para atacar seus oponentes. As barreiras aparentemente são inquebráveis, desde que ataques de pessoas poderosas como Hack e Bellamy não tiveram efeito e em vez disso acabaram ferindo eles mesmos. Uma delas conseguiu bloquear até o ataque "King Punch" de Elizabello II.

Ele também pode usar suas barreiras para atacar seus inimigos. Isso é visto quando Bartolomeo usou uma técnica chamada "Barrier Crash" para esmagar Elizabello II no final da batalha de seu grupo.

História

Passado

Antes de se Tornar um Pirata

Durante seus primeiros anos, Bartolomeo foi o chefe de uma máfia. Dois anos atrás, ele esteve em Loguetown quando Luffy estava a ponto de ser executado por Buggy. Ele testemunhou o que chama de milagre, vendo Luffy ser salvo por um relâmpago. Desde então, Bartolomeo acompanhou as aventuras de Luffy de Alabasta, até Enies Lobby e Impel Down. Depois de ver Luffy na Batalha de Marineford, ele decidiu zarpar.

Durante o Timeskip

Um ano depois, Bartolomeo virou um pirata novato de destaque na época. Ele ficou infame por atacar civis inocentes.

Saga Aliança Pirata

Arco Dressrosa

Bartolomeo entrou em um torneio no Coliseu Corrida para competir pela Mera Mera no Mi. Após Maynard derrotar o subordinado de Bartolomeo, Gâmbia, Bartolomeo por sua vez derrotou o vice-almirante, antes de sair para lutar no torneio.

Quando o Bloco B estava a ponto de começar, ele foi visto andando na arena enquanto o locutor listava todos os detalhes sobre ele. Ao entrar, ele declarou que iria mandar todos ao inferno. Como o público mostrava sua antipatia em relação a ele, Bartolomeo primeiro os provocou e então jogou o que parecia ser uma bomba na audiência, que se assustou e entrou em pânico. Porém a bomba viria a ser uma simples bola preta. Depois de ter resmungado que o público não gosta dele, Dagama o repreendeu e disse que ele mesmo estava se fazendo impopular. Bartolomeo simplesmente respondeu que ele não precisa ser popular entre eles.

Após o começo da luta, Bartolomeo ressaltou que não é mais uma batalha real quando Dagama se uniu com Elizabello II, Tank Lepanto e outros lutadores para derrotar Bellamy. Dagama simplesmente afirmou que os fins justificam os meios. Enquanto todos lutavam, Bartolomeo foi visto deitado e desinteressado observando os outros lutarem.

Bartolomeo criando uma barreira invisível para bloquear o ataque de Hack e esmagar sua mão antes de derrotá-lo.

Mais tarde, ele calmamente começa a urinar para o lado de fora do ringue só para ser vaiado pelo público. Hack tenta derrotá-lo com um ataque de Karatê Homem-Peixe, mas Bartolomeo o bloqueia usando a habilidade de sua Akuma no Mi, ferindo a mão de Hack no processo. Bartolomeo então procede para acabar com o homem-peixe.

Bartolomeo mais tarde luta contra Bellamy. Porém, como Hack, Bellamy acaba se ferindo sempre que tenta atacar Bartolomeo. Apesar de não ter vantagem, Bellamy ainda consegue agarrá-lo, dizendo que ele não deveria subestimar seu poder. Antes que Bartolomeo pudesse revidar, Elizabello finalmente utiliza seu lendário "King punch" que parece nocautear todos os gladiadores restantes na arena. Quando o locutor olha para a arena e diz que ninguém poderia possívelmente sobreviver aquele soco e estava a ponto de declarar Elizabello o vencedor da batalha do Bloco B.

Bartolomeo derrota Elizabello II e vence o Bloco B.

Porém, quando a fumaça esclarece, é revelado que Bartolomeo continua de pé. Ele então revela que comeu a Bari Bari no Mi, que o permite criar barreiras e que usou uma para se proteger do soco devastador do rei. Ele então derrota o rei com sua técnica "Barrier Crash" que o faz efetivamente o vencedor do Bloco B, para o descontentamento do público. Ele então pensa consigo mesmo sobre como a Mera Mera no Mi iria para 'aquela pessoa' quando ele a ganhasse.

Enquanto os lutadores feridos são levados para fora da arena, Bartolomeo cruza com Bellamy e Luffy (como Lucy) tendo uma conversa e escuta Bellamy o chamando de Chapéu de Palha. Ao tomar conhecimento desta revelação ele mostra sinais de choque.

Durante o Bloco C, Bartolomeo foi à plataforma de observação e se aproximou de Cavendish com uma maleta cheia de sinais de aviso enquanto este estava fazendo uma refeição extravagante. Bartolomeo nota que Cavendish estava mirando em Luffy (como Lucy). Cavendish o parabeniza por sua vitória e diz a ele para não se meter em seus negócios. Enquanto está tentando estava tentando pegar um pouco da comida de Cavendish, ele remove a mão de Bartolomeo de sua refeição e diz que Luffy é seu alvo. Bartolomeo responde dizendo que ele e Luffy tem laços muito mais profundos. Ele continua a observar o Bloco C quando Luffy e Chinjao, os dois lutadores restantes colidem um com o outro.

Após Luffy derrotar Chinjao e vencer o Bloco C, Cavendish objetiva matar Luffy no momento em que ele sai da arena. Bartolomeo o interrompe, e novamente afirma que não será ele quem matará o Chapéu de Palha. Cavendish furioso ameaça Bartolomeo para não entrar em seu caminho.

Bartolomeo fica furioso com um gladiador por zombar de Luffy.

Enquanto Cavendish tenta matar Luffy após a conclusão do Bloco C, Bartolomeo manteve distância, com vergonha de se aproximar de Luffy. Um Gladiador passa por perto e zomba de Luffy por falhar em salvar seu irmão na Batalha de Marineford. Bartolomeo furiosamente esmaga o homem contra uma parede, e explica seus motivos por admirar Luffy, e então corta a língua do homem. Ele continua a observar Luffy de longe quando ele desvia dos ataques de Cavendish. Ele quer ajudar Luffy, mas está muito nervoso para se aproximar dele. Quando Luffy foge de Cavendish e Chinjao, Bartolomeo se pergunta como ele poderia se aproximar de Luffy.

Enquanto Zoro e Kin'emon estavam do lado de fora do Coliseu Corrida pensando em como entrar, Bartolomeo os avista. Ao ver Zoro, ele explode em lágrimas de alegria enquanto relembra os feitos do passado de Zoro.

Ele então fala com Zoro e se oferece a ajudá-lo a encontrar Luffy enquanto pede a ele um autógrafo. Ele mais tarde encontra Luffy quando o Chapéu de Palha sai do alojamento dos gladiadores. Ele então guia Luffy até Zoro e Kin'emon mas espuma pela boca no caminho.

Bartolomeo impedindo a tentativa de Dellinger de matar Bellamy.

Quando Bellamy estava a ponto de ser morto por Dellinger, Bartolomeo entrou no caminho e o protegeu com sua barreira, para a fúria Dellinger. Tendo sido chamado por Diamante, Dellinger furiosamente vai embora, jurando que Bartolomeo e Bellamy não sairão de Dressrosa vivos.

Bartolomeo encontrando Sabo

Bartolomeo então oferece levar Bellamy à sala médica, mas Bellamy rejeita sua oferta, afirmando aos prantos que não tinha mais motivos para viver e questiona os motivos de Bartolomeo para ajudá-lo. Bartolomeo afirma que aqueles que lutam juntos são "amigos" e que ele não deixaria um amigo morrer sem ajudar. Enquanto Bartolomeo carregava Bellamy, eles se encontram com Luffy, que estava procurando por uma saída. Desde que Luffy precisava abandonar o torneio para resgatar um amigo, Bartolomeo orgulhosamente declara que ele ganhará a Mera Mera no Mi para Luffy. Sua conversa é interrompida por um estranho que afirma que a Mera Mera não pode ser entregue à Luffy. Bartolomeo responde com raiva, explicando que ele não tem o direito de falar com o irmão do "Ace dos Punhos de Fogo" e futuro Rei dos Piratas daquele jeito. O estranho responde que ele já sabia dessas coisas sobre Luffy e o empurra para o lado. Bartolomeo fica irritado observando o estranho, que revela ser Sabo, tendo uma conversa casual com Luffy.

Ele é mais tarde visto ao lado de Sabo (agora no lugar de Luffy como Lucy) na plataforma de observação. Na conclusão do Bloco D, Bartolomeo fica surpreso em ver todos os grandes lutadores serem derrubados quase instantâneamente. Ele então vê Rebecca, a única a ser capaz de se levantar, declarada a vencedora do Bloco D.

Quando Rebecca acena para "Lucy" após deixar a arena, Bartolomeo diz a ela para não agir normalmente com ele. Então ele vai para a arena junto com Sabo quando a final começa.

Uma vez que os vencedores dos blocos e Diamante estão presentes na arena, eles são interrompidos quando alguns dos participantes desclassificados do Bloco D invade, se recusando a aceitar que Rebecca era a vencedora. Bartolomeo então testemunha Diamante os afastando usando o poder de sua Hira Hira no Mi. Após Diamante explicar as regras dessa rodada, uma luta de cinco pessoas começa.

Jesus Burgess se prepara para lançar um ataque contra Sabo, Bartolomeo encontrou Rebecca em pé atrás dele. Quando Sabo quebrou a armadura de Burgess, Bartolomeo ficou pasmo ao testemunhar a força de seu auto-proclamado ídolo.  Mais tarde, quando Rebecca deu um golpe de Diamante, Sabo perguntou Bartolomeo para protegê-la, para sua surpresa.  A pedido de Sabo, Bartolomeo protegeu Rebecca enquanto Diamante a desmoralizava com a revelação de que ele estava por trás da morte de sua mãe, fazendo-a cair em lágrimas.

Enquanto os brinquedos da plateia voltavam às suas formas originais, Bartolomeo perguntou a Rebecca por quanto tempo ela continuaria chorando. Ele parecia confuso quando Rebecca exclamou que se lembrava do pai e ainda mais perplexo quando Sabo se preparou para demolir a arena.  Quando Sabo agarrou o Mera Mera no Mi e o comeu, Bartolomeo implorou a Sabo para ajudá-lo enquanto a arena desabava no subsolo. Quando Sabo soldado Hiken e destruiu a arena, Bartolomeo caiu no porto comercial subterrâneo. Bartolomeo protege suas barreiras para proteger de ferimentos. Mais tarde, ele correu para Sabo e repreendeu-o por não tentar salvá-lo da queda.

Mais tarde, ele assistiu em choque quando Doflamingo prendeu Dressrosa em sua "gaiola" e criou um "jogo" que dá a todos a escolha de matá-lo ou uma lista de pessoas que ele oferece a eles.  Bartolomeo expressou seu entusiasmo em conhecer Robin e Usopp para grande aborrecimento de Sabo. Doflamingo então anunciou sua lista de alvos, que inclui Sabo, Usopp e Robin. Quando os seguidores de Usopp se voltaram contra eles, Bartolomeo, Sabo, Koala, Hack, Robin, Usopp, Rebecca e os anões Tontatta fugiram para a superfície. Bartolomeo vigia suas barreiras para conter seus perseguidores.  Mais tarde, eles chegaram ao Coliseu fica e Bartolomeo continuou ajudando a sua fuga.

Eles finalmente chegaram ao topo do antigo Planalto do Rei, onde se pertence com Riku Doldo III, Viola e Tank Lepanto. Bartolomeo ficou surpreso que Luffy já saiu para ir atrás de Doflamingo. Quando Rebecca se ofereceu para entregar a chave das álgemas de pedra do mar de Lei para Luffy, Bartolomeo pediu animadamente para ir junto.  Quando Robin contatou Luffy através de Den Den Mushi, Bartolomeo, Robin, Rebecca e Leo planejaram encontrar Luffy no jardim de girassóis no quarto nível do novo King's Plateau.

Leo então planejou viajar para o novo King's Plateau com ajuda dos besouros da Tontatta Airlines Yellow Cab. Rebecca, Robin e Bartolomeo não certeza da ideia, já que os besouros parecem pequenos demais para carregar uma pessoa. Leo então explicou que os besouros são o serviço de "salto" da Tontatta Airlines e os fez pular do antigo King's Plateau. Para sua surpresa, os besouros podem desacelerar sua queda e aprenderam que podem aparecer-los para pular de telhado em telhado. Leo lembrou-os de apontar para o quarto nível e alertou-os para tomar cuidado com os vindos de baixo.

Mais tarde, eles alcançaram a estatua gigante de Pica enquanto Zoro lutava contra Pica. Bartolomeo estava animado para ver Zoro novamente. Pica se preparou para lançar um soco colossal em Bartolomeo, Robin e Rebecca com uma estatua e Bartolomeo entrou em pânico porque não conseguiu fazer uma barreira grande o suficiente para bloquear o ataque. Quando Zoro parou Pica com um golpe de espada poderoso, Bartolomeo ficou totalmente pasmo.  Bartolomeo, Robin e Rebecca passaram pela estatua de pedra gigante e continuaram até o quarto nível.  Ao voar sobre o segundo nível, o grupo foi atacado por Gladius . Robin e Bartolomeo foram posteriormente separados de Rebecca, Leo e Kabu.Bartolomeo e Robin então pousaram no terceiro nível, onde Luffy, Law, Kyros e Cavendish estavam. Bartolomeo e Robin enfrentaram-se Gladius e um exército de brinquedos gigantes para permitir que Luffy, Law, Kyros e Cavendish continuassem em direção ao quarto nível.

Depois de bloquear como balas de ruptura de Gladius, Bartolomeo suas barreiras para criar uma escada para o quarto nível. Luffy agradeceu, fazendo Bartolomeo derramar lágrimas de alegria. Quando Gladius lança seus explosivos em Luffy, Bartolomeo saltou para a linha de fogo. Quando Cavendish perguntou por que ele não cobre sua barreira para bloquear o ataque, Bartolomeo revelou que suas barreiras só podem cobrir uma área de superfície limitada. Quando um dos brinquedos gigantes estava prestes a começar, Bartolomeo, Robin o repeliu. Depois que Robin derrubou todos os brinquedos gigantes nas lojas, Bartolomeo se for caso, pronto para voltar à batalha. Quando os brinquedos voltaram a ser humanos após a segunda derrota de Açúcar, Bartolomeo afirmou que recuperou sua barreira.

Bartolomeo então protegeu Robin enquanto ela escolher seu caminho para o nível 4.  Enquanto Gladius se preparava para um ataque explosivo e destrutivo inchando e inflando o solo ao redor deles, Cavendish pediu a Bartolomeo que permitisse que ele passasse por trás de sua barreira . Bartolomeo recusou e Cavendish gritou que eles estavam do mesmo lado. Felizmente para Cavendish, Bartolomeo mudou que ele ficasse atrás de sua barreira no momento em que Gladius iniciou seu ataque. Depois de repreender Bartolomeo por não salvá-lo antes, Cavendish pediu para ser solto novamente para poder continuar lutando com Gladius. Gladius então tentou que Robin subia até o nível 4. Ele tentouar nela, mas Bartolomeo bloqueou os tiros com sua barreira.Robin piscou para Bartolomeo em agradecimento, deixando-o muito feliz. Cavendish estava prestes a atacar Gladius, mas foi interrompido quando Bartolomeo veio atacando com sua barreira,

Bartolomeo derrota Gladius

Algum tempo depois, Cavendish se transformou em Hakuba e Bartolomeo permaneceu atrás de sua barreira enquanto Hakuba estava em um tumulto.  Ao ver Hakuba, Bartolomeo o que aconteceu no final do Bloco D. Hakuba tentou atacá-lo, mas suas barreiras bloquearam o ataque. Hakuba então fixou seu olhar em Robin, mas ela o impediu facilmente, para espanto de Bartolomeo. Só então, Gladius começou a romper o penhasco em que estava. Bartolomeo tentou impedi-lo, mas Gladius o acertou com agulhas envenenadas. Gladius então inflou todo o seu corpo, dizendo que se Bartolomeo desejasse salvá-los, ele deveria derrotá-lo primeiro. Bartolomeo gritou com Cavendish para proteger Robin, mas Hakuba recuperou o controle.Sem opções, Bartolomeo investiu contra Gladius e prendeu os dois em uma barreira com a intenção de derrubar Gladius antes que ele detonasse enquanto cortava sua garganta com uma faca. Gladius explodiu, mas sobreviveu, tendo apenas sido apunhalado no ombro. Gladius então explodiu o penhasco, mas Cavendish salvou a si mesmo ea Robin usando a velocidade de Hakuba. Bartolomeo, agora gravemente ferido pela explosão, lamentou que ele ainda está sem energia, mas prometeu que um dia ele se tornará alguém em quem Luffy pode confiar. Ele saltou no ar e acertou uma "Bari Bari no Pistol" (em homenagem a Luffy) diretamente no rosto de Gladius, derrotando-o. Ele então caiu exausto, comentando que nunca mais queria trabalhar com Cavendish novamente.

Pouco tempo depois, Bartolomeo viu dois subordinados da Família Donquixote carregando o corpo de Gladius. Ele bolou reagiu com fúria, mas eles imploraram para que ele os poupasse, dizendo que eles estavam lá apenas para tirar os derrotados. Eles elaboraram que Gladius precisaria de atenção médica por dois ou três dias antes que pudesse acordar. Bartolomeo então, impaciente, disse-lhes que bem embora.

Mais tarde, ele ficou surpreso ao ver Pica indo em direção ao Planalto do Velho Rei usando a estatua gigante de Pica.  Ao testemunhar Zoro derrotando Pica, Bartolomeo ficou tão impressionado com o impressionante feito de força de Zoro que gritou de emoção, espumando pela boca.  Bartolomeo continuou a espumar pela boca, mesmo quando Cavendish disse a ele para criar uma escada para Robin, Kyros, Rebecca, Leo, Kabu e Mansherry descerem.  Pouco depois, Bartolomeo, Kyros, Rebecca e Robin se juntaram a seus aliados.

Mais tarde, Bartolomeo e os outros gladiadores derrotaram os piratas Donquixote restantes para que os cidadãos pudessem entrar no planalto do palácio. Bartolomeo então se preparou para parar a gaiola depois que Doflamingo aumentou sua velocidade.  Bartolomeo então criou uma barreira que ele, Robin e os gladiadores poderiam usar para empurrar a gaiola para trás.

Quando Luffy recuperou as janela após ficar exausto por dez minutos, Bartolomeo chorou de alegria.  que a gaiola finalmente desapareceu e Gatz anunciou uma vitória de Luffy, Bartolomeo chorou de felicidade.  Mais tarde naquela noite, após o rescaldo, Bartolomeo e os outros gladiadores descansaram no palácio.

Três dias após a queda de Doflamingo, Bartolomeo correu para a casa de Kyros para ver Luffy e seu grupo. Ele os informou sobre a chegada de Tsuru e Sengoku. Quando os fuzileiros navais foram mobilizados para perseguir Luffy e todos os afiliados a ele, Bartolomeo explicou que uma rota de fuga foi preparada. Eles então fugiram quando os fuzileiros navais estavam prestes a invadir a casa de Kyros. Bartolomeo então requer que Luffy ficou para trás para resolver alguns negócios inacabados.

Bartolomeo então conduziu os chapéus de palha ao porto oriental. Enquanto esperava por Luffy, ele entrou em pânico ao ver Fujitora se aproximando.  Com todos os lutadores se reuniram, eles se preparavam para defender sua terra contra o almirante com Bartolomeo a colocação de uma barreira. Quando Fujitora se preparou para atacá-los com todos os escombros de Dressrosa, os lutadores fugiram rapidamente para a nave de fuga. Bartolomeo ficou muito chocado quando testemunhou Luffy atacando Fujitora com um ataque Gear Third imbuído de Haki.

Durante o confronto, Issho usou sua capacidade de gravidade para afastar Luffy, que foi capturado por Hajrudin. Zoro se preparou para lutar contra o almirante, mas Bartolomeo o deteve, dizendo que não era a hora nem o lugar certo. Os lutadores e os chapéus de palha fugiram rapidamente através de uma ponte que conduzia a um navio gigantesco à distância. Issho se preparou para jogar os escombros sobre eles, mas foi obstruído pelos cidadãos de Dressrosa que fingiam perseguir Luffy. Eles finalmente alcançaram a nau capitânia de Orlumbus , a Yonta Maria . Depois de embarcar no navio, a tripulação de Bartolomeo era então um dos sete grupos que desejavam jurar fidelidade aos chapéus de palha.

Quando Luffy foi convidado a beber para realizar uma cerimônia de sakazuki para completar o acordo de uma aliança, Luffy recusou, para choque dos outros. Uma vez que Luffy explicou que eles podem fazer o que quiserem, os aliados decidiram forjar a aliança de qualquer maneira, formando a Grande Frota do Chapéu de Palha . Sai, Bartolomeo, Leo, Cavendish, Ideo, Orlumbus e Hajrudin sentaram-se e beberam suas xícaras de saquê. Depois, eles fizeram uma festa para celebrar sua vitória sobre Doflamingo.

Depois, cada um dos principais aliados recebeu o cartão de vivre de Luffy e se separou. Bartolomeo então trouxe os chapéus de palha, os samurais e Law para seu navio, o Going Luffy-senpai. Depois que Zoro notou o aumento dos chapéus de palha na recompensa de um jornal, Bartolomeo orgulhosamente mostrou ao grupo de Luffy seus novos pôsteres de procurados. Ele também informou a Law que sua recompensa também aumentou. Enquanto mostrava os pôsteres de procurado que exibia, Bartolomeo notou que há algo incomum no novo pôster de procurado de Sanji.

Arco de Zou

Durante uma tempestade de granizo, Bartolomeo revelou que sua tripulação não tem um navegador e eles geralmente chamam a avó de Bartolomeo para resolver seus problemas. Com a avó dando-lhes conselhos inúteis, eles precisavam contar com os chapéus de palha para proteger o navio. Após uma semana percorrendo os perigos do Novo Mundo, o navio chegou em Zou.

Depois de encontrar e admirar o Thousand Sunny, Bartolomeo e sua tripulação ficam em lágrimas e se despedem de Luffy e seu bando.



Principais Batalhas

Diferenças entre o Anime e o Mangá

Seu confronto com Maynard é mostrado no anime, que começa com uma curta conversa antes de sua luta. O anime também mostra Maynard tentando atacar Bartolomeo antes de ser derrotado. O rosto de Bartolomeo também foi revelado pouco antes de sua luta com Maynard em vez de quando ele entra na arena.

Sua luta contra Hack foi censurada. Enquanto no mangá, o soco de Hack é estragado e sangra, no anime, o golpe não é mostrado.

Quando ele ameaçou o homem que zombou de Luffy por não ser capaz de salvar Ace no mangá, ele corta a língua do homem; no anime, em vez disso, ele espanca o homem.

Curiosidades

  • O apelido "Canibal" de Bartolomeo na verdade é um trocadilho. "Comer pessoas" significa zombar delas em Japonês.
  • No Vietnã cruzar os dedos, como Bartolomeo fez quando enfrentava Elizabello II, é o equivalente a mostrar a alguém o dedo do meio. Isso também é uma provocação comum em escolas Japonesas.
  • O comportamento de Bartolomeo, junto com as duas coisas mencionadas acima, sugere que todo seu personagem foi criado em torno da idéia de zoeira.
  • Pode ser considerado irônico que Bartolomeo possua a Bari Bari no Mi porque seu comportamento é provocante, mas sua Fruta é defensiva por natureza.
  • No anime, Bartolomeo deduziu a partir das presenças de Zoro e Luffy no Coliseu que o resto da tripulação também está em Dressrosa. Enquanto está fazendo uma contagem é revelado que ele acredita que o rosto de Sanji parece o desenhado em seu cartaz de procurado. Bartolomeo também é ciente de Brook ser um membro do Bando do Chapéu de Palha.
  • Portgas D. Ace, irmão de Luffy, recebe o sobrenome de Bartolomeu, o português, conhecido como Bartolomeu il Portugees, o homem que criou o código do pirata, que iria servir de regra de conduta dos piratas durante a era de ouro.

Navegação do Site

  1. One Piece Mangá e Anime — Vol. 71 Capítulo 705 e Episódio 635.
  2. One Piece Anime — Episódio 633, O rosto de Bartolomeo é mostrado em silhueta quando ele está mencionado por Dagama.
  3. 3,0 3,1 One Piece Mangá e Anime — Vol. 72 Capítulo 720 e Episódio 650.
  4. 4,0 4,1 One Piece Mangá e Anime — Vol. 80 Capítulo 800 e Episódio 745, O Formada a Grande Frota do Chapéu de Palha.
  5. One Piece Mangá e Anime — Vol. 71 Capítulo 706 e Episódio 636.
  6. 6,0 6,1 SBS One Piece Mangá — Vol. 72 (p. 66), Idade, altura e aniversário de Bartolomeo são revelados.
  7. SBS One Piece Mangá — Vol. 83 (p. 190), Pergunta dos fãs: A Grande Frota a idade dos capitães é revelada.
  8. SBS One Piece Mangá — Vol. 79, Calendário de aniversário.
  9. 9,0 9,1 Vivre Card - One Piece Visual Dictionary (Card #0857), As informações sobre Bartolomeo são reveladas.
  10. One Piece Mangá e Anime — Vol. 80 Capítulo 801 (p. 17) e Episódio 746, A recompensa de Bartolomeo é aumentada após o Arco de Dressrosa.
  11. One Piece Mangá e Anime — Vol. 71 Capítulo 706 (p. 2) e Episódio 636, A generosidade de Bartolomeo é revelada.
Advertisement