O Capítulo 237 é intitulado "No Céu".

Capa

A Fúria Insaciável de Wapol Vol. 2: "Eu Comi Uma Árvore".

Resumo Curto

Após atravessar o cúmulo imperial, os Piratas do Chapéu de Palha pousam em uma paisagem branca: um mar feito de nuvens. Usopp tenta nadar neste mar estranho, no entanto, não é sem perigo, e sem Robin e Luffy o resgatando, ele teria morrido de cair no chão ou ser comido pelos estranhos monstros que atacaram o Going Merry.

Enquanto isso, Chopper avista um navio pirata, que é repentinamente destruído por um misterioso assaltante que agora tem como alvo o Going Merry. Os Piratas do Chapéu de Palha não conseguem detê-lo, mas são salvos por um estranho mercenário, o Cavaleiro do Céu.

Resumo Longo

A tripulação dos Chapéu de Palha tem dificuldade para respirar, pois chega ao que parece ser um mar no céu, feito de nuvens. Enquanto isso, os Piratas do Barba Negra discutem sobre os Chapéus de Palha escapando no resquício de sua jangada que foi destruída pelo Knock Up Stream. Burgess insiste que eles persigam os Chapéus de Palha, mas seu capitão garante que eles se encontrarão novamente, desde que ambos permaneçam na Grand Line.

Assim que se acostumam com a atmosfera, os Chapéus de Palha ficam maravilhados com a paisagem do mar de nuvens. Chopper interrompe a tripulação para dizer a eles que Usopp não está respirando e, em seguida, executa a RCP nele. Enquanto isso, Nami comenta que o log pose ainda está apontando para cima, ao que Robin responde que talvez eles estejam apenas na parte intermediária do cúmulo imperial. Usopp decide dar um mergulho, o que Sanji desaconselha, pois ainda não sabem nada sobre o mar do céu, mas o ignora e mergulha mesmo assim. Durante o mergulho, Usopp se surpreende com a pouca resistência do mar do céu e comenta como está muito borrado. Ele então decide mergulhar ainda mais fundo.

De volta ao navio, a tripulação percebe que Usopp ainda não retornou. Robin expressa preocupação e questiona se realmente existe um fundo do mar no mar do céu. Isso os leva a deduzir que Usopp caiu da nuvem. Luffy estende o braço para as nuvens para salvar Usopp, mas diz que só pode contar com o sentido do tato, já que não consegue ver através das nuvens e Robin garante que vai lidar com isso. Ela usa a habilidade de sua Akuma no Mi para fazer olhos brotarem em toda a mão de Luffy e no resto de seu braço também. Através da combinação de suas habilidades de akumas, eles conseguem agarrar Usopp e puxá-lo de volta para o navio. Seguindo Usopp, porém, vem um polvo gigante e um monstro marinho que tentam atacar o navio, mas Zoro imediatamente corta um dos braços do polvo e Sanji se junta a eles, derrotando-os. Robin se interessa por um peixe que acabou ficando no Merry. Ela afirma que o peixe é na verdade um peixe do céu, uma criatura estranha descrita no diário de Noland e assume que, como não há fundo do mar no oceano do céu, os peixes do céu devem ter evoluído em várias formas para sobreviver. Como resultado, alguns peixes do céu tornaram-se achatados e alguns tornaram-se como balões para se tornarem mais leves devido à força de flutuação no oceano do céu ser muito mais fraca do que na água do mar. Nami acrescenta ainda que as escamas do peixe do céu parecem penas e que sua boca carnívora é esquisita. Enquanto eles ainda estavam conversando, Luffy agarra o peixe do céu e faz Sanji refogá-lo. Luffy dá uma mordida, exclama que estava delicioso, mas Nami grita com ele, dizendo que ainda não tinha terminado. Nami então pega a comida e experimenta por conta própria.

Enquanto a maior parte da tripulação está focada no prato de peixe do céu, Chopper percebe ao longe outro navio e, o que parece ser um humano, o ataca e destrói. Antes que Chopper, em pânico, consiga explicar a situação para seus companheiros de tripulação, o homem mascarado chega, aparentemente correndo nas nuvens, e tenta atacar o Merry. Luffy, Zoro e Sanji tentam lutar contra o atacante, mas são rapidamente oprimidos. Nami chama os três, perguntando o que há de errado com eles, enquanto Usopp continuamente resmunga que a Ilha do Céu é assustadora. Quando o atacante está prestes a acabar com a tripulação com seu canhão, outro indivíduo misterioso aparece. Ele empurra sua lança para o atacante que o envia voando para o mar do céu. Nami chora perguntando quem é agora. O misterioso salvador se revela. Um homem velho, usando armadura e montando um pássaro enorme. Ele se apresenta aos Chapéus de Palha como "O Cavaleiro do Céu".

Referências Rápidas

Notas do Capítulo

Personagens

Piratas Cidadãos Skypiea Animais
Piratas do Chapéu de Palha
Piratas do Barba Negra
Shandia

Skypiea


O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.