FANDOM



O Capítulo 909 é intitulado "Seppuku".

Capa Editar

As histórias da auto-proclamada Grande Frota dos Chapéus de Palha Vol. 39: Arco Orlumbus - "Às 16:00 - Primeira campanha dos piratas! Começa o ataque"

Resumo Curto Editar

Enquanto o Levely acontece, Nekomamushi consegue encontrar Marco. Marco passou a residir na terra natal de Barba Branca, que sua tripulação agora protege. Com a ameaça de Edward Weevil provavelmente vindo para este país, Marco fica para protegê-lo, mas dá a Nekomamushi uma mensagem para passar para Luffy.

Enquanto isso, o grupo de Zoro chegou ao País de Wano. Kin'emon deu ordens para se misturarem, mas Zoro é preso depois de ser acusado de matar algumas pessoas durante a noite. Ele é condenado a cometer seppuku quando o magistrado toma Shusui para si, mas Zoro corta o magistrado com a lâmina seppuku

Resumo Longo Editar

No caminho para o País de Wano, Nekomamushi e sua equipe param na ilha onde Barba Branca cresceu e se referiu como sua terra natal. Mostra-se que os minks decidiram ficar ao longo da costa devido a eles serem guerreiros em uma ilha de paz. Marco assumiu o papel de médico na ilha e ajuda vários cidadãos antes de se sentar com Nekomamushi. Ele descreve que Barba Branca cresceu órfão nesta ilha que era muito pobre para poder aliar-se ao Governo Mundial. Quando ele começou sua carreira como pirata, Barba Branca cuidava da ilha, canalizando dinheiro para isso, apesar de não ter laços familiares lá. Depois que Barba Negra matou Barba Branca e tomou seu lugar como um Yonkou, Marco queria lutar com ele em vingança por tirar tudo dos Piratas do Barba Branca que restavam; ele se parte em lagrímas quando menciona que sua parte do tesouro foi para apoiar a ilha e agradece a Shanks por enterrar Barba Branca em sua "última lembrança". Marco, em seguida, traz o tema de Edward Weevil caçando quem tinha laços com Barba Branca e, apesar de não saber se suas afirmações sobre ser o verdadeiro filho de Barba Branca são verdadeiras, admite que Bakkin era um pirata cerca de trinta e quarenta anos atrás com Barba Branca e por por causa da ilha, não pode viajar para Wano; ele informa Nekomamushi para passar uma mensagem para Luffy em seu lugar.

Pouco depois de chegar no País de Wano, Kin'emon avisa Franky, Usopp, Robin e Zoro que eles devem assimilar-se no país até conseguirem apoio suficiente para derrubar o shogun Kurozumi Orochi, que é leal a Kaido. Ele pede que eles mantenham suas identidades em segredo e não provoquem nenhum dos funcionários; Se assim for, Kaido vai saber sobre isso e arruinar seus planos. Franky, Usopp e Robin são capazes de se misturar, conseguindo empregos como carpinteiro, vendedor e geisha, respectivamente.

Zoro posou como um ronin, mas foi detido pelo magistrado local em razão de supostamente assassinar três pessoas durante a noite. Ele também é acusado de profanar o túmulo do famoso herói e espadachim Ryuma, usando o fato de que Zoro está de posse da espada Shusui de Ryuma como prova. Apesar de reconhecer que Zoro possivelmente roubou a espada do ladrão original, o magistrado afirma alegremente sua posse agora da espada e ordena que Zoro cometa seppuku por "seus" crimes. Como Zoro se prepara, ele comenta que o próprio magistrado cheira a sangue e pergunta se ele é o verdadeiro culpado; o magistrado é pego de surpresa e Zoro corta o ar, cortando o magistrado e parte do prédio. Como os espectadores estão chocados que tanto dano foi causado apenas com uma lâmina de seppuku, Zoro pede desculpas a Kin'emon e se prepara.

Navegação do ArcoEditar

Anterior

Próximo

Arco País de Wano

Capítulos do Mangá
909 910 911 912 913 914 915 916 917 918 919
920 921 922 923 924 925 926 927 928 929 930
931 932 933 934 935 936 937 938 939 940 941
942 943 944 945 946 947 948 949 950 951
Volumes do Mangá
90 91 92 93 94
Episódios do Anime
890 891 892 893 894 897 898
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.