FANDOM


Família Dadan é uma gangue de bandidos da montanha, liderada por Curly Dadan. Eles habitam o Mt. Colubo, um local da Ilha Dawn no East Blue. De acordo com Garp, o número de crimes que eles cometeram é maior que a quantidade de estrelas no céu.




MembrosEditar

Os dois membros conhecidos da família, além da própria Dadan, são Dogra e Magra, embora haja outros membros vistos. Quando Dadan foi chantageada pelo vice-almirante Monkey D. Garp, eles foram forçados a cuidar de seu neto adotivo, Portgas D. Ace, e mais tarde seu neto biológico, Monkey D. Luffy. Os dois garotos deveriam caçar e limpar para a gangue (o que eles raramente faziam), assim como às vezes roubavam para eles, e eles eram acompanhados por uma criança nobre, Sabo, que tinha vergonha de seu status. Eventualmente, todos os três rapazes partiram para a pirataria, mas Sabo presumivelmente "morreu" depois de ser abatido pelo Nobre Mundial Jalmack aos 10 anos, no entanto, Sabo sobreviveu a este evento e se juntou ao Exército Revolucionário. Ace e Luffy partiram quando chegaram aos 17, mas Ace foi eventualmente executado pelo Almirante Akainu durante a Batalha de Marineford aos 20 anos. Luffy e Sabo, atualmente com 19 e 22 respectivamente, são os últimos dos três irmãos, e Luffy tem o total apoio de Dadan e do restante da família para viver com orgulho.

HistóriaEditar

PassadoEditar

Cuidando dos Netos do GarpEditar

Garp primeiro se aproximou da Família Dadan e fez com que eles cuidassem de Ace, em troca de fazer os marinheiros fecharem os olhos para seus crimes, já que o próprio Garp não tinha tempo para cuidar da criança. Anos depois, Garp trouxe Luffy para Dadan pela mesma razão. Ace e Luffy não se davam bem no início, nem Luffy com os bandidos. No entanto, com o passar do tempo, todos se deram bem, tendo que se conhecer. Sabo também se juntou a eles inicialmente, tendo fugido de sua casa por vergonha, mas acabou sendo recapturado pelo pai  através da contratação dos Piratas Bluejam.

Família Dadan vs Piratas BluejamEditar

Ace e Luffy foram forçados a ajudar Bluejam a carregar explosivos no Terminal Cinza para o Reino Goa ter uma boa reputação para o Nobre Mundial Jalmack, então foram deixados para morrer no inferno escaldante. No entanto, com a família Dadan chegando para salvar os dois meninos, Dadan e Ace derrotaram Bluejam e conseguiram retornar ao Monte Corvo.

Partida das Três CriançasEditar

Eventualmente, Sabo, que mais uma vez escapou de sua família, partiu para o mar em seu sonho de ser um pirata, mas foi derrubado por Jalmack por cortar a frente de seu navio. Dogra viu isso e relatou isso, para o horror e a tristeza de todos. Ace então disse a Luffy para viver forte, pelo amor de Sabo, e os dois treinaram ao lado da Família Dadan. Eventualmente, quando cada um atingiu 17, eles partiram para o mar, um momento triste para a Família Dadan.

Saga Guerra de MarinefordEditar

Morte do AceEditar

Quando Ace morreu em Marineford, a Família Dadan foi para Vila Foosha para enfrentar Garp. A própria Dadan o espancou brutalmente por não proteger Ace. Ela gritou com ele por escolher o dever sobre sua própria família. Então gritou seu apoio a Luffy, que conseguiu escapar da guerra graças à assistência de Trafalgar Law.

Dois Anos DepoisEditar

A Volta dos Chapéus de PalhaEditar

Dadan Family Post Timeskip

Família Dadan comemorando o retorno de Luffy.

Quando a Família Dadan recebeu jornais detalhando o retorno de Luffy e sua tripulação, eles foram vistos dando uma festa enquanto Dadan é mostrada fazendo um scrapbook das ações de Luffy, muito parecido com o que ela fez com Ace.

Dos Conveses do Mundo: O Arco do homem de 500.000.000Editar

A família foi vista celebrando a nova recompensa de Luffy após a derrota de Doflamingo.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.