One Piece Wiki
Advertisement
One Piece Wiki
4 651
páginas

Kawamatsu, "o Kappa", é um samurai do País de Wano que serviu Kozuki Oden até a morte deste, 20 anos atrás.[1] Ele é atualmente um prisioneiro dos Piratas das Feras na Mina dos Prisioneiros de Udon.[4] Ele também é um dos Nove Bainhas Vermelhas.[2]

Aparência

Kawamatsu de acordo com Hiyori, é uma Kappa, e também se orgulha desse fato. Ele tem bochechas rosadas e cabelo laranja, na sua primeira aparição ele estava com um cachecol vermelho e com um quimono verde com cordas desenhadas em suas bordas.

Personalidade

Kawamatsu dança para tentar animar Hiyori depois de ter sido traumatizada pelas mortes de seus pais.

Ele é muito gentil e atencioso, como quando um dos Piratas das Feras tentou atacar Luffy, Kawamatsu silenciosamente o ajudou atacando com um osso de peixe. Depois que Hiyori ficou profundamente traumatizada após a morte de seus pais, Kawamatsu fez tudo o que pôde para animá-la e até fez piadas sobre sua fome. Ele parece gostar de lutar, como quando Luffy e Hyogoro estavam lutando em sua execução, ele expressou seu desejo de luta de sumô também.

Como outros personagens, Kawamatsu possui uma risada única: "Kappappappa".[5]


Relações

Família Kozuki

Como retentor de Oden, Kawamatsu é extremamente leal à Família Kozuki. Ele foi quem ajudou a Hiyori a escapar de seus inimigos no Castelo Oden e cuidou dela por 7 anos durante sua infância até que ele foi capturado e aprisionado. Depois de se reunir com Raizo depois de vinte anos, a primeira coisa que ele fez foi perguntar sobre a segurança de Momonosuke, mostrando sua preocupação com o filho de Oden. Ao contrário de Ashura Doji, Kawamatsu está ansioso para se juntar à Família Kozuki na guerra contra Orochi e Kaido.

Inimigos

Piratas das Feras

Durante seus 13 anos de prisão nas minas de prisioneiros, Kawamatsu se recusa a se submeter aos seus inimigos e desafiadoramente fica em sua cela acorrentada.

Habilidades e Poderes

Juntamente com Denjiro e Ashura Doji, Kawamatsu é considerado por Kin'emon um dos seguidores mais poderosos de Oden, valendo 100 homens em batalha.[1] Ele é um escavador e nadador extremamente rápido, o que lhe permitiu levar Hiyori do Castelo Oden.[3]

Kawamatsu tem uma resistência imensa, pois foi alimentado com peixes envenenados todos os dias, durante treze anos, pelos Piratas das Feras, sem morrer ou mesmo sofrer qualquer doença como Tama, um feito que confundiu seus captores.[6] Ele também foi mostrado resistente mesmo quando estava morrendo de fome, enquanto cuidava de Hiyori.[3]

Armas

Ele é capaz de cuspir projéteis com grande velocidade e precisão, potencialmente transformando-os em armas mortais se forem afiados o suficiente. Assim, seus guardas são ordenados a remover os ossos dos peixes que eles o alimentam. Quando eles não conseguiram fazer isso, ele foi capaz de derrubar um guarda cuspindo o osso como um projétil que perfurou seu pescoço.[6] Ele também foi mostrado carregando uma espada.[3]

História

Passado

Kawamatsu cuida de Hiyori.

Kawamatsu serviu uma vez sob Kozuki Oden até que Oden foi executado, há 20 anos.[1] Depois que Momonosuke e alguns dos retentores de Oden foram enviados para o futuro por Toki, Kawamatsu ajudou a Hiyori a escapar da destruição do Castelo Oden e cuidou dela,[3] até que eles foram separados sete anos depois.[5] Ele foi preso em Udon, onde ele foi alimentado com um peixe venenoso sem osso a cada dia.[6][4]


Arco País de Wano

Depois que Monkey D. Luffy foi levado para Udon, Kawamatsu cuspiu uma espinha de peixe em um dos guardas quando o guarda tentou atacar Luffy.[6] Mais tarde, ele testemunhou o confronto de Dobon com Luffy e Eustass Kid.[7]

Quando Luffy e Hyogoro foram trazidos antes de Queen, Kawamatsu chamou Raizo enquanto o ninja estava na frente de sua cela. Depois de se revelar, ele perguntou se Kozuki Momonosuke estava bem.[4]

Quando Luffy e Hyogoro foram trazidos perante Queen, Kawamatsu chamou Raizo enquanto o ninja estava na frente de sua cela. Depois de se revelar, ele perguntou se Kozuki Momonosuke estava bem.[4] Ele então pediu a Raizo para ajudá-lo a escapar para que ele pudesse se juntar à batalha decisiva contra os Piratas das Feras durante o Festival do Fogo. Raizo foi flagrado e forçado a desaparecer em uma cortina de fumaça. Kawamatsu então percebeu como Luffy estava causando uma comoção e rezou para que ele não deixasse Hyogoro morrer.[5]

Em algum momento durante o Inferno Sumô, Kawamatsu comentou que ele queria tentar uma luta de sumô também.[8]

Esta é uma seção incompleta. Por favor, ajude a wiki adicionando informações a ela.

Curiosidade

  • O nome Kawamatsu (河松?) é traduzido literalmente para "pinheiro fluvial", enquanto que o termo kappa (河童?) significa "criança do rio".
  • Kawamatsu é um Tritão Baiacu-Tigre.

Referências

  1. 1,0 1,1 1,2 1,3 1,4 Erro de citação: Marca <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas debut
  2. 2,0 2,1 One Piece Mangá — Vol. 93 Capítulo 939 (p. 6), a afiliação da Kawamatsu é confirmada.
  3. 3,0 3,1 3,2 3,3 3,4 One Piece Mangá — Vol. 93 Capítulo 939 (p. 4-5), Hiyori fala sobre o passado dela e Kawamatsu.
  4. 4,0 4,1 4,2 4,3 One Piece Mangá — Vol. 93 Capítulo 935 (p. 17), o misterioso prisioneiro em Udon é confirmado como sendo Kawamatsu.
  5. 5,0 5,1 5,2 One Piece Mangá — Vol. 93 Capítulo 936 (p. 2-3, 9), Kawamatsu fala com Raizo e observa Luffy.
  6. 6,0 6,1 6,2 6,3 One Piece Mangá — Vol. 92 Capítulo 924 (p. 12-14), as condições de aprisionamento de Kawamatsu são mostradas.
  7. One Piece Mangá — Vol. 92 Capítulo 926 (p. 15-17), Luffy e Kid derrubam Dobon.
  8. One Piece Mangá — Vol. 93 Capítulo 939.

Navegação do Site

Advertisement