FANDOM


Passado e Antes do Timeskip

Infância Editar

Um Mapa do Mundo: Um Passado Trágico e um Sonho Quebrado Editar

Nami é uma órfã de guerra de uma aldeia desconhecida, encontrada por Bell-mère, uma mulher da Marinha, num campo de batalha hostil quando ainda era um bebê. A marinheira adotou ela e Nojiko, outro órfã. As três se tornaram tão próximos quanto uma família real.

Quando criança, Nami desenvolveu um amor por desenhar mapas e navegação, e o sonho de desenhar um mapa completo do mundo. No entanto, as árvores de laranjeiras de Bell-mère forneciam apenas poucos meios de apoio e não podiam pagar nada além das necessidades básicas. Como resultado, Nami não podia pagar os livros de navegação, levando-a a roubá-los frequentemente da livraria da vila. Um dia, Bell-mère repreendeu Nami quando ela foi pego roubando; no entanto, ela aplaudiu o primeiro mapa de Nami, como o primeiro passo de seu sonho para mapear o mundo e colocou fé em Nami, dizendo que ela realmente poderia fazer isso.

Bell-mère Protects Nami and Nojiko

Bell-mère protegendo suas filhas.

Em um ano, o preço das laranjas havia caído devido a uma grande oferta, e Bell-mère teve que comer apenas laranjas e deu a maior parte da comida para Nami e Nojiko, mas não deixou transparecer como a situação era ruim para Nojiko e Nami. Um dia, Nami recebeu um dos vestidos de Nojiko por Bell-mère (que simplesmente transformou o girassol em um leão) e Nami ficou ofendida porque queria suas próprias roupas e não as roupas de segunda mão de Nojiko. Isso resultou em uma discussão entre ela e Nojiko. Durante a discussão, Nami disse que não considerava Nojiko uma irmã de verdade, fazendo Bell-mère bater nela. Nami então fugiu, dizendo que ela queria ser adotada por pessoas ricas. Bell-mère ficou muito triste e decidiu poupar algum dinheiro e preparar a refeição favorita de Nami, mesmo que isso quebrasse seu orçamento. Ela enviou Nojiko para buscar Nami enquanto ela preparava a refeição.

Neste exato momento, o infame pirata homem-peixe Arlong entrou nas Ilhas Conomi, e chegou à Vila Cocoyasi e impôs uma taxa a cada adulto e criança da vila para "viver". Desde que Bell-mère não podia pagar a mensalidade de toda a família para viver, ela foi usada como exemplo por Arlong para demonstrar aos habitantes da cidade o que aconteceria com eles se eles fossem contra ele ou deixassem de pagar a taxa. Bell-mère foi então foi brutalmente assassinada por Arlong na frente de Nami e Nojiko.

Arlong Abusing Nami

Arlong forçando Nami a fazer mapas.

Nami foi então sequestrada e forçada a se tornar cartógrafa para Arlong depois que ele percebeu a qualidade de seus mapas em uma idade tão jovem. No entanto, Arlong fez um acordo com Nami: se ela lhe trouxesse Bsymbol100.000.000, ele libertaria sua vila. Na morte de Bell-mère, ela disse a Nami e Nojiko para ser forte e que "Se você pode sobreviver, então os momentos felizes ... muitos deles ... virão em sua direção". Isso encorajou Nami a trabalhar duro para comprar Cocoyashi de Arlong, acreditando que uma vez que ela libertasse a vila, ela poderia perseguir seu sonho e encontrar a felicidade.

No início da série, Nami passara oito anos fazendo mapas para Arlong e roubando tesouros de piratas para recomprar sua vila.


Os eventos a seguir não são canônicos e portanto não são considerados parte canônica da história.


Nami's Memory of Mad Treasure

Nami e Carina encontrando Mad Treasure.

Em um ponto enquanto roubava tesouros, Nami encontrou quem ela considerava sua concorrente, Carina, enquanto tentava roubar tesouros do caçador de tesouros, Mad Treasure. No entanto, Treasure pegou as duas no ato. Carina usou Nami como um chamariz para que ela pudesse escapar, deixando Nami para morrer. Nami levou Treasure para seu tesouro escondido, mas ele foi roubado por Carina. No entanto, Carina retornou e atraiu os Piratas Treasure permitindo que ela e Nami escapassem e impedissem que ambas fossem mortas.


Conclusão da seção não-canônica.


Saga East Blue Editar

Arco Orange Town Editar

Arco Vila Syrup Editar

Duelo com o Capitão Kuro Editar

O Homem no Peito Editar

Arco Baratie Editar

Traição no Baratie Editar

Arco Arlong Park Editar

A Bruxa de Cocoyasi: As Verdadeiras Intenções de Nami Editar

Arco Loguetown Editar

Saga Baroque Works Editar

Arco Reverse Mountain Editar

Atravessando a Reverse Mountain e Encontrando Laboon Editar

Arco Whisky Peak Editar

Arco Little Garden Editar

Arco Ilha Drum Editar

Arco Alabasta Editar

Saga Ilha no Céu Editar

Arco Jaya Editar

Conflitos em Jaya Editar

Arco Skypiea Editar

Aventura em uma Ilha do Céu Editar

Jogo de Deus Editar

Saga CP9 Editar

Arco Long Ring Long Land Editar

Arco Water 7 Editar

Um Navio Quebrado, Um Bando Quebrado Editar

Arco Enies Lobby Editar

Resgatando uma Companheira de Enies Lobby Editar

Arco Pós-Enies Lobby Editar

Saga Thriller Bark Editar

Arco Thriller Bark Editar

Aventura na Ilha Fantasma Editar

Saga Guerra em Marineford Editar

One Piece Filme: Strong World Editar


Os eventos a seguir não são canônicos e portanto não são considerados parte canônica da história.


Nami shiki

Nami é sequestrada por Shiki.

A bordo do Thousand Sunny, os Chapéus de Palha leram notícias de ataques ao East Blue. Luffy decidiu retornar ao East Blue para protegê-lo quando o navio de Shiki apareceu no céu. Nami sentiu a pressão do ar mudando e avisou sobre uma tempestade que se aproximava. Luffy chamou pelo navio de Shiki tentando avisá-los, e conseguiu chamar a atenção de Shiki. O pirata então enviou um dial para gravar o aviso. Seus próprios navegadores inicialmente discordaram que uma tempestade estava se aproximando, mas de fato apareceu e, com a direção de Nami, ambos os navios escaparam com sucesso.

Depois, Shiki atirou em seu navegador e desceu para o Sunny para se encontrar com Nami. Lá ele revelou sua Akuma no Mi, a Fuwa Fuwa no Mi, que lhe permitiu fazer qualquer objeto inanimado que ele toque ignorar a gravidade e flutuar. Depois de saber que foi Nami que deu o aviso, e que eles estavam indo para East Blue, Shiki se ofereceu para levá-los até lá e usou seu poder no Sunny. Juntos, os dois navios viajaram para a ilha flutuante visto antes, onde Shiki subitamente raptou Nami. Os outros tentaram resgatá-la, mas Shiki controlou o Thousand Sunny usando seu poder, e separou os Chapéus de Palha, mandando eles para vários lugares dos fragmentos de ilhas, e escapou.

Nami Protects Billy

Nami defende Billy.

De volta ao presente, Shiki pediu a Nami que ela se tornasse sua navegadora, mas a pirata recusou. O Dr. Indigo apareceu com um pássaro 'evoluído', chamado Billy, que podia usar eletricidade, demonstrando isso para Shiki, mas depois de ficar chocado com isso, Shiki o jogou de lado. Foi explicado que uma planta lá, chamada IQ, fazia com que os animais evoluíssem muito rapidamente, tornando-os muito fortes. Dr. Indigo revelou que ele melhorou a droga, apelidando-a de SIQ, que Shiki usou nos animais da ilha Merveille, fazendo com que eles sofressem mutações em grandes proporções, além de se tornarem mais inteligentes e agressivos. Nami protegeu Billy, e o pássaro ficou com ela quando Shiki e seus homens foram embora.

Nami conseguiu escapar de seu cativeiro com a ajuda de Billy, e encontrou o Thousand Sunny. Após alguns momentos depois, Luffy, sendo perseguido por vários escorpiões gigantes, chegou. Billy derrotou os escorpiões usando eletricidade, e Nami e Luffy conversaram sobre o que havia acontecido. Eles logo decidiram procurar os outros, usando Billy para voar. O grupo de Robin, enquanto isso, encontrou um grande prédio onde muitos piratas estavam se reunindo, protegidos por plantas venenosas. Eles aprenderam lá que Shiki estava planejando deixar os animais da ilha no East Blue em uma jogada para forçar a rendição do Governo Mundial. Eles também aprenderam que, para provar o poder dos animais, ele planejava uma demonstração em uma aldeia na ilha flutuante.

Nami shiki 2

Nami se rende a Shiki.

Luffy e Nami se juntam aos outros na vila, e eles também aprendem sobre o plano dos moradores da vila, que, sem saber de onde os Chapéus de Palha surgiram, ficam aliviados em se livrar dos monstros. Nami é vista por uma câmera den den mushi, e Shiki decide ir pessoalmente buscá-la. Ele chega algum tempo depois e confronta os Chapéus de Palha e os derrota. Nami é coagida a se juntar a Shiki e em troca ele concordar em deixar seus amigos e sua cidade natal em paz. Usopp, o único membro da tripulação consciente, tenta detê-la, mas Shiki o deixa inconsciente.

Nami grava uma mensagem, usando o Tone Dial, que deveria ser uma mensagem de despedida. Depois de sair, os homens de Shiki removem as plantas venenosas ao redor da aldeia e fazem com que os animais a destruam. Nami observa isso do palácio de Shiki, aparentemente indiferente. Pouco depois, sua mensagem é tocada pelos Chapéus de Palha. Depois de ouvir apenas a primeira parte, Luffy fica irritado ao ponto de não ouvir o resto (no entanto o resto do bando escuta).

Nami Poisoned Daft Green

Nami é envenenada por Daft Green.

Descobriu-se que Nami, na verdade, tentou explodir as plantas que protegiam o palácio, mas foi vencida pelo veneno. Shiki a prende perto das plantas e se dirige para encontrar os capitães piratas se reunindo eles. Mais tarde, quando os Chapéus de Palha confrontam Shiki mais uma vez, Luffy diz que Nami era simplesmente a vanguarda e que eles são a força principal. Luffy persegue Shiki, dizendo a Chopper e Usopp para encontrarem Nami. Nami é encontrada por Billy, que a ajuda a acender os explosivos, assim como Chopper e Usopp a encontram. Enquanto todos escapam da explosão, os animais do lado de fora atacam o palácio, aumentando o caos interno. Chopper percebe que a única maneira de salvar Nami é encontrar o remédio de IQ, mas Shiki tenta detê-los.

Usopp e Chopper encontram a planta IQ, mas descobrem que o remédio está com o Dr. Indigo. Zoro luta contra ele, e usando Asura o derrota e rouba o remédio. Nami se recupera, e sente uma tempestade se aproximando e tem uma ideia. Shiki recebe um aviso pelo Den Den Mushi sobre a tempestade e pede a ele para redirecionar a ilha, e ele então muda a rota. Sem ele saber, a chamada foi de fato coagida por Usopp e Chopper, e que Nami os levou diretamente para a tempestade.

Nami white shirt

Nami se recupera do veneno e volta ao Sunny.

Depois que Shiki é derrotado por Luffy e eles escapam, Nami acorda mais tarde no navio. Luffy confronta Nami sobre a mensagem que ela deixou no Tone Dial, irritada por ela não ter fé neles. Quando os outros revelaram que ele não ouviu a mensagem toda, Nami tenta impedir Luffy de escutar o Dial, sentindo-se envergonhado do que disse nele. Ela, Luffy e Usopp lutam pelo Dial (Luffy quer ouvir a mensagem, Nami tentando jogar o Dial ao mar, e Usopp quer ficar com o Dial, já que ele é valioso). Quando o Tone Dial é derrubado do navio, é revelado que na outra metade da mensagem, Nami realmente pediu a eles para salvá-la.


Conclusão da seção não-canônica.


Arco Arquipélago Sabaody Editar

O Incidente com os Nobres do Mundo Editar

Quando a tripulação alcançou o ponto médio da Grand Line, Nami olhou para seu Log Pose, e estava apontando para baixo, o que significa que a Ilha dos Homens-Peixe estava logo abaixo deles. Luffy, Robin e Brook levaram o Shark Submerge para olhar nas profundezas apenas para encontrar um Rei dos Mares parecido com um coelho. Luffy o derrotou, e ele cuspindo uma sereia (Camie) e uma estrela do mar (Pappag). Nami ficou surpresa ao ver uma sereia. Camie então disse à tripulação que seu amigo chamado "Hatchin" foi capturado e pediu que eles o resgatassem. Nami disse a Camie que eles iriam resgatá-lo se ela pudesse encontrar uma maneira de chegar à Ilha dos Homens-Peixe.

Nami Forgives Hatchan

Nami aceita o Takoyaki de Hatchan.

No esconderijo do sequestrador, uma armadilha estava sendo armada, e na jaula estava o Hatchin. Quando a equipe viu que era "Hatchan", um homem-peixe do Arlong Park, cinco dos nove membros não ficaram felizes em vê-lo. Apesar de tudo isso, Nami concordou em libertar Hatchan de sua situação. Camie tentou libertá-lo apenas para ser capturado pelos Piratas Macro. Luffy então resgatou Camie e a tripulação lutou contra os Flying Fish Riders. Eles eventualmente libertaram Hatchan e ele derrotou facilmente os Piratas Macro. Após a batalha, o líder Duval atacou a tripulação do Chapéu de Palha e Sanji com muita raiva logo o derrotou. Eles então tiveram uma festa da vitória. Hatchan pediu nervosamente a Nami para provar um pouco de Takoyaki sem ela bater nele. Nami disse que ela ainda não o perdoou de antes, mas tentou de alguma maneira e disse a ele que o Takoyaki era muito bom.

O bando então foi procurar um homem que Camie disse que ajudaria a levar seu navio para a Ilha dos Homens-Peixe. Quando Nami viu alguns shoppings, ela foi lá com Robin para fazer compras. Ela estava ouvindo Robin falando sobre os direitos dos homens-peixe e como eles viviam suas vidas e quando Robin terminou, Franky apareceu e avisou que Camie havia sido capturado e estava sendo vendida como escrava. Quando ela e Franky chegaram à casa de leilões na Árvore 1, Franky pensou em pegar Camie à força. Nami achou que seria mais fácil seguir as regras comprando Camie de volta com o dinheiro que tinham. Oplano, no entanto, foi frustrado quando o Nobre Charlos fez uma oferta maior e, assim, Camie foi vendida, irritando Hatchan. Luffy, juntamente com o resto dos Rosy Life Riders, chegaram ao local.

Hatchan queria impedir Luffy de atacar o Tenryubito, pois isso faria com que ele chamasse um almirante. O Nobre Charlos então atirou em Hatchan na esperança de que ele pudesse ter outro escravo de graça. Nami, tendo ouvido as histórias de discriminação contra os homens-peixe, ficou chocada com o ocorrido Hatchan, mas não tão chocada quanto Camie quando viu seu amigo levar um tiro. Por causa disso, Luffy acertou um soco em Charlos e o derrotou. A casa de leilões ficou em silêncio e todos fugiram, exceto Eustass Kid e Trafalgar Law, que se divertiram com o evento. Hatchan ficou surpreso ao ver Luffy defendendo-o e Nami perdoou Luffy por ele agir como sempre. Os guardas dos Nobres do Mundo então atacaram os Chapéus de Palha que os derrotaram facilmente. No entanto eles foram forçados a parar, quando a irmã de Charlos, Shalulia, ameaçou explodir o colar explosivo em volta do pescoço de Camie. Ela foi parada por um homem velho que conseguiu remover o colar e nocautear os Nobres do Mundo e seus guardas usando um poder chamado Haki. Depois disso, a casa de leilões foi cercada por marinheiros, que foram facilmente derrotados por Luffy, Kid e Law. Todos fizeram sua fuga com Nami usando um Thunderbolt Tempo para parar seus inimigos.

Depois da fuga, os Chapéus de Palha foram até o Shakky's Rip-off Bar para se recuperar onde Silvers Rayleigh lhes dissera que fazia parte da tripulação de Gol D. Roger. Sua menção de que Buggy estava no bando de Gold Roger com Shanks fez com que ela (junto com Zoro) se lembrasse de seus encontros desagradáveis ​​com ele em East Blue. Rayleigh disse aos Chapéus de Palha que precisava de pelo menos três dias para revestir o Thousand Sunny, por isso deu a todos os Vivre Cards para localizá-lo enquanto planejava mover o navio para escondê-lo dos marinheiros.

Destruição da Tripulação dos Chapéus de Palha Editar

Assim que os Chapéus de Palha partem do Shakky's Rip-off Bar e se despediram de Shakky, Camie, Pappag e Hatchan, eles logo foram confrontados por alguém que parece ser Bartholomew Kuma. Depois de lutar contra ele por um curto período de tempo, os Chapéus de Palha, especificamente Zoro, perceberam que quem eles estavam lutando não era o verdadeiro Kuma, mas sim uma réplica Pacifista, já que ele não usava nenhuma de suas habilidades da Nikyu Nikyu no Mi e apenas disparou lasers de suas mãos. Apesar de saberem que ele não era o verdadeiro, eles ainda tinham dificuldade em ferir seu corpo, que era mais duro que o aço. Quando o Pacifista avistou Nami e tentou atirar nela com seu raio, Robin fexou a boca dele com seus poderes, fazendo com que o feixe danificasse o Pacifista. Nami aproveitou a abertura disparando um Thunder Lance Tempo através de seu torso, causando dano suficiente para fazer ele entrar em curto. O resto da luta foi deixado para os três membros mais fortes dos Chapéus de Palha: Sanji, Zoro e Luffy, que foram capazes de derrotá-lo.

Após a luta, a maioria dos Chapéus de Palha ficaram exaustos, mas a chegada de Sentomaru e outro Pacifista, o PX-1, os forçou a fugir. Nami se separou com Sanji e Franky, mas o Pacifista os interceptou. Kizaru apareceu e atacou Zoro, dominando facilmente a luta. Em cima da hora, Silvers Rayleigh chegou e desviou o golpe final do almirante, salvando Zoro e ganhando algum tempo para Luffy gritar para sua tripulação escapar, com o plano de se esconder e sobreviver por três dias e se encontrarem no Thousand Sunny. No entanto, antes que este plano pudesse ser cumprido, o verdadeiro Bartholomew Kuma apareceu e, usando seus poderes, fez os Chapéus de Palha desaparecem um a um, para o desespero de Luffy. Nami pediu que seu capitão a ajudasse, mas foi interrompida quando de repente Kuma a fez desaparecer no ar.

Aventura da Separação dos Chapéus de Palha: Weatheria Editar

Nami Shown Wind Knot

Haredas demonstra o nó do vento para Nami.

Depois de ser enviado voando por 3 dias, Foi revelado que Nami pousou em uma pequena ilha do céu chamada Weatheria, onde o estudo do tempo é conduzido. Um homem local chamado Haredas a levou e cuidou dela. Mais tarde, ela foi vista chorando, afirmando que ela queria ir para casa. Para animá-la, Haredas mostrou a Nami um nó especial que fez o vento soprar quando puxado. Desapontada, Nami tirou sua frustração dele. Mais tarde, os dois foram vistos juntos enquanto Nami observava Haredas fazendo negócios e os dois foram mostrados novamente, com Haredas mostrando Nami "ciência do tempo".

Arco Pós Guerra Editar

Mais tarde, Nami foi presa pelos cientistas por tentar roubar seus experimentos e informações. Ao ler sobre a morte de Ace no jornal, ela começou a chorar, entendendo a tristeza que Luffy estava passando. Vendo isso, os cientistas a libertaram, mas acabou sendo um artifício e ela conseguiu escapar tomando Haredas como refém. Enquanto corria, ela notou que Luffy sempre esteve lá para apoiar sua equipe dando o seu melhor durante suas horas mais sombrias, então agora é sua vez de retribuir o favor. Embora suas lágrimas ainda caíssem, Haredas notou que suas lágrimas "falsas" ainda estavam caindo, e Nami ficou corada e de repente mandou ele calar a boca.

Enquanto ela e Haredas estavam fugindo, ela leu o artigo sobre Luffy voltar para Marineford e ficou frustrada com ele por não pensar na tripulação e apenas em si mesmo. Mais tarde, ela foi pega pelos cientistas, que a repreendeu, mas ela chorou lágrimas de crocodilo para fazer os cientistas se desculparem. Ela fugiu, dizendo que os perdoou e que queria uma casa para morar. Logo depois, ela foi informada por Haredas do estranho clima do Novo Mundo e decidiu que ela tinha que aprender tudo sobre isso para poder ajudar seu imprudente capitão, relembrando suas experiências passadas com ele o tempo todo. Ela pediu a Haredas para ensiná-la sobre as Bolas Meteorológicas, mas ele disse que, se fosse usada de maneira inadequada, poderia mergulhar o mundo no caos. Nami então perguntou sobre a possibilidade de usá-las como arma para a tristeza de Haredas.

A história continua dois anos depois.

Navegação do Site Editar

[v · e · ?]
Piratas do Chapéu de Palha
Tripulação: Monkey D. Luffy  •  Roronoa Zoro  •  Nami  •  Usopp  •  Sanji  •  Tony Tony Chopper  •  Nico Robin  •  Franky  •  Brook  •  Jinbe  •  Nefertari Vivi  (Karoo )
Navios: Going Merry   •  Thousand Sunny
Veículos: Shiro Mokuba I  •  Mini Merry II  •  Shark Submerge III  •  Kurosai FR-U IV  •  Brachio Tank V  •  Franky Shogun  •  Shimashima Shopping   •  Karasumaru   •  Taru Tiger   •  Rocket Man   •  Märchen   •  Tarumanma    •  Ma Ikkada  
Habilidades
Baseadas em Akuma no Mi: Gomu Gomu no Mi (Técnicas Principais  •  Gear Second  •  Gear Third  •  Gear Fourth)  •  Hito Hito no Mi (Rumble Ball)  •  Hana Hana no Mi  •  Yomi Yomi no Mi
Baseadas em Estilos de Luta: Haki (Kenbunshoku  •  Busoshoku  •  Haoshoku)  •  Estilo Perna Negra (Diable Jambe)  •  Mutoryu  •  Karatê Homem-Peixe (Jujutsu Homem-Peixe)
Baseadas em Armas: Nidai Kitetsu  •  Santoryu (Ittoryu  •  Nitoryu  •  Kyutorryu) (Wado Ichimonji  •  Sandai Kitetsu  •  Yubashiri   •  Shusui)  •  Arte do Tempo (Clima-Tact   •  Perfect Clima-Tact   •  Sorcery Clima-Tact   •  Quarto Clima-Tact (Zeus))  •  Arsenal do Usopp (Ginga Pachinko   •  Kabuto   •  Kuro Kabuto (Pop Green))  •  Raid Suit  •  Peacock Slashers   •  Battle Frankies (Cyborg Tactics   •  Armored Me  •  Franky Shogun (Kurosai FR-U IV  •  Brachio Tank V))  •  Soul Solid
Suporte: Voz de Todas as Coisas
Artigos Relacionados
Outros: Supernovas  •  Pior Geração  •  Vontade de D.  •  Chapéu de Palha  •  Grande Frota do Chapéu de Palha
[v · e · ?]
Piratas do Arlong
Membros: Arlong  •  Hatchan  •  Chew  •  Kuroobi  •  Nami   •  Kaneshiro  •  Pisaro  •  Take  •  Shioyaki  •  Mohmoo
Navio: Shark Superb
Habilidades
Armas: Kiribachi  •  Rokutoryu
Estilos de Luta: Karatê Homem-Peixe
Artigos Relacionados
História dos Arcos: Arco Arlong Park  •  Arco Ilha dos Homens-Peixe
Especiais: Mirar! O Rei do Basebol do Pirata  •  Episódio de Nami  •  Episódio do East Blue
Localização: Arlong Park
Outros: Homem-Peixe  •  Piratas do Sol
[v · e · ?]
Ilhas Conomi
Moradores: Nojiko  •  Genzo  •  Nami   •  Bell-mère   •  Dr. Nako  •  Chabo  •  Mummy Mee  •  Daddy Dee  •  Yosaku  •  Johnny  •  Teru  •  Piratas do Arlong 
Localizações: Vila Cocoyasi (Tangerine Grove)  •  Arlong Park  •  Vila Gosa
Artigos Relacionados
História dos Arcos: Arco Arlong Park  •  Arco Pós-Enies Lobby
Histórias de Capa: Dos Conveses do Mundo  •  Dos Conveses do Mundo: O Arco do Homem de 500 Milhões
Especial: Episódio de Nami  •  Episódio do East Blue
Navegador
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.